sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Reações químicas das drogas - Maconha

Bem galera agora vamos falar de um tema que está complicado no Brasil e no mundo e iremos dizer o que acontece no seu corpo e os efeitos da DROGA.



Definição: A maconha é o nome dado a uma planta conhecida cientificamente como Cannabis sativa. O THC (tetraidrocanabinol)é uma substância química produzida pela planta da maconha, sendo essa a principal responsável pelos efeitos psíquicos da droga no organismo.

Histórico: Existem referências ao uso da maconha há mais de 12.000 anos. Entre 2.000 e 1.400 a.C. foi descoberto seu efeito euforizante na Índia. A maconha foi trazida ao Brasil pelos escravos como uma forma de ligação com a terra natal. Na década de 1930, iniciou-se uma fase de repressão contra o uso da maconha, sendo em 1933 feitos os primeiros registros no Brasil de prisões pelo comércio ilegal de maconha.

Mecanismo de Ação: O THC é metabolizado no fígado. Além disso, o THC é muito lipossolúvel (solúvel em lipídios – gordura, e não em água) ficando armazenado no tecido adiposo. Essas características do THC levam a um prolongamento do efeito deste no organismo.

Efeitos no organismo: Os efeitos provocados pelo THC no sistema nervoso central dependem da dose consumida, da experiência, da expectativa e do ambiente. Os efeitos esperados são: leve estado de euforia; relaxamento; risos imotivados e devaneios.

Conseqüências Negativas: O uso crônico de maconha está associado a problemas respiratórios visto que a fumaça é muito irritante, seu teor de alcatrão é muito alto, sendo maior que do tabaco. Outras conseqüências do fumo, semelhantes ao tabaco, são: hipertensão, asma, bronquite, cânceres, doenças cardíacas e doenças crônicas obstrutivas aéreas.

Ou seja, NÃO Experimente nunca xP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário